Malária 1


riscos-malaria

Anualmente a Malária mata 600 mil pessoas e infecta 200 milhões. Não existe vacina.
Transmitida pela picada de mosquitos, a malária começa como a gripe, com os primeiros sintomas surgindo entre nove e 14 dias após a infecção.

Os sintomas incluem febre (podem ocorrer ciclos típicos de febre, calafrios e suor em grande quantidade), dor nas articulações, dores de cabeça, vômitos frequentes, convulsões e coma.

Se você apresentar esses sintomas até seis meses após o retorno (período de incubação), informe o profissional de saúde acerca do roteiro de sua viagem.

riscos-malaria-mundo

São grupos de risco para formas graves da doença:

. local com altitude inferior a 1000m;
. viagem próxima ao término ou ao final da estação chuvosa – informe-se;
. quem não reside atualmente em área com transmissão de malária e visita o local por mais de 7 dias e menos de 6 meses;
. criança menor de 5 anos, gestante, idoso;
. transplantado;
. dormir ao ar livre, em acampamentos, barcos ou em habitações precárias sem proteção contra o mosquito;
. local sem acesso a serviços de saúde em menos de 24 horas.

Ao se encaixar em uma ou mais das situações de risco acima, procure um profissional de saúde para avaliar a indicação de quimioprofilaxia.

Importante: do pôr-do-sol ao amanhecer os mosquitos vetores apresentam maior atividade.

Como se prevenir:

. roupas claras  e  com  manga  longa, calças e sapatos fechados – passar repelente spray nas roupas;
. medidas de barreira, tais como telas nas portas e janelas, ar condicionado e uso de mosquiteiro impregnado com piretróides;
. repelente.

Leia o post específico sobre Repelentes.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

One thought on “Malária